Menú

INSUMOS

Entregas de fertilizantes no Brasil crescem 24,9% em abril ante abril de 2017

Resultado do mês reverteu tendência do primeiro trimestre do ano; acumulado em quatro meses supera em 3,4% mesmo período do ano passado

As entregas de fertilizantes para o consumidor final aumentaram 24,9% em abril na comparação com igual mês de 2017 e somaram 1,723 milhão de toneladas, segundo a Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda). Com o incremento, as entregas nos quatro primeiros meses do ano superaram em 3,4% as de igual intervalo do ano passado. Até março, as entregas acumuladas de produto ainda eram 1,3% inferiores às do primeiro trimestre de 2017. 
 
Segundo a Anda, o crescimento no acumulado de 2018 se deve ao "início da retirada (de adubos) para as culturas de verão em Mato Grosso, cana-de-açúcar na região Sudeste e trigo no Sul". 
 
A produção nacional de fertilizantes intermediários em abril continuou abaixo da do ano passado em 6,7%, totalizando 618,2 mil toneladas e acompanhando a queda apurada em março. No acumulado de quatro meses de 2018, o volume produzido, de 2,477 milhões de toneladas, foi 4,7% menor do que há um ano. 
 
O total importado em abril, 1,589 milhão de toneladas, ficou 10,8% abaixo do volume trazido do exterior em abril de 2017. O volume desembarcado entre janeiro e abril foi 13,2% menor do que um ano atrás, somando 6,334 milhões de toneladas.
 
No ano passado, o total de fertilizantes entregues ao mercado brasileiro subiu apenas 1% em relação ao volume de 2016, chegando a 34,4 milhões de toneladas, segundo a Anda. A indústria encerrou 2017 com 5,533 milhões de toneladas armazenadas, 9,1% acima dos 5,07 milhões de toneladas ao fim de 2016, conforme a entidade. 

Nome:

Email:

Deixe um comentário:

Escreva os números da imagem:

últimas notícias

Previsão para hoje -


▲ Máx
▼ Min




Confira a previsão dos próximos dias

Fonte: Somar Meteorologia