MERCADO

Milho: indicador acumula queda de 4% na parcial do mês

O avanço da colheita da safra verão e as boas expectativas para a segunda safra permanecem como principais fatores de pressão

O Indicador Esalq/BM&FBovespa do milho (referência região de Campinas – SP) acumula queda de 4% na parcial de março, até o dia 17, fechando a R$ 34,64/saca de 60 kg nessa sexta-feira.

Segundo pesquisas do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), o avanço da colheita da safra verão e as boas expectativas para a segunda safra permanecem como principais fatores de pressão. Mas o ritmo de negócios, por sua vez, tem variado entre as regiões consultadas pelo Cepea.

Enquanto em algumas praças se observa maior disposição de vendas imediatas, como no Paraná, em outras, produtores ainda aguardam uma recuperação dos preços, fundamentados no baixo estoque de consumidores, que, desde o segundo semestre do ano passado seguem retraídos e com compras pontuais.

Nome:

Email:

Deixe um comentário:

Escreva os números da imagem:

últimas notícias

Previsão para hoje -


▲ Máx
▼ Min




Confira a previsão dos próximos dias

Fonte: Somar Meteorologia