Menú

MERCADO

Preço desfavorece a competitividade da carne bovina

Em relação a maio de 2016, esta relação está 0,8% maior, o que quer dizer que a carne bovina perdeu espaço na mesa dos brasileiros

Atualmente, a relação de troca entre o boi casado de animais castrados e a carcaça de frango no atacado está em 2,54. Ou seja, com um quilo da proteína bovina é possível adquirir 2,54 quilos de carcaça de frango.

Em relação a maio de 2016, esta relação está 0,8% maior, o que quer dizer que a carne bovina perdeu competitividade frente à carne de frango. Já em relação a abril a relação está 4,3% menor, resultado da queda de 1,4% para a proteína bovina e alta de 3,0% para a carcaça de frango.

Arroba do boi

O cenário de estabilidade continua na maioria das praças pesquisadas pela Scot Consultoria. Na terça-feira, dia 16, levantamento da empresa identificou indústrias fora do mercado, ainda em planejamento de compra para os próximos dias. Em algumas praças, no entanto, a pressão sobre as cotações começa a aumentar. O alongamento das escalas e aumento nos estoques explicam esta tentativa de negócios em patamares abaixo das referências.

É fato que os negócios nestes patamares não avançam, mas já mostram que o mercado não está mais firme como na primeira quinzena do mês. Em São Paulo a arroba fechou em queda, cotada em R$ 138,00, à vista, livre de Funrural, e já há tentativas de compras de até R$ 3,00/@ abaixo da referência.

O mercado atacadista de carne teve recuo nesta terça-feira. O boi casado capão ficou cotado em R$ 9,07/kg, queda de 2,1% em relação ao fechamento anterior.

Nome:

Email:

Deixe um comentário:

Escreva os números da imagem:

últimas notícias

Previsão para hoje -


▲ Máx
▼ Min




Confira a previsão dos próximos dias

Fonte: Somar Meteorologia