Frente fria vai provocar muita chuva nos próximos dias; Inmet diz onde Paste this at the end of the tag in your AMP page, but only if missing and only once.

PREPARE-SE

Frente fria vai provocar muita chuva nos próximos dias; Inmet diz onde

Nos próximos dias, os termômetros estarão em alta por todo o Brasil, com temperaturas que podem superar os 30°C em diversas regiões

descargas elétricas, chuva e granizo - inmet
Foto: Inmet/reprodução

Uma frente fria vai avançar pelo Brasil e deve provocar temporais em diversas regiões do país nos próximos dias.

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para a possibilidade de chuvas intensas, rajadas de vento, queda de granizo e alagamentos.

Na Região Sul, a frente fria vai provocar chuvas intensas sobre Santa Catarina e Paraná ao longo da semana.

Outras regiões também podem registrar precipitações significativas durante o período. No norte do país, a expectativa é de acumulados que podem superar 80 mm.

Confira a previsão do tempo do Inmet até o dia 15 de abril

  • Região Norte: Prevê-se pancadas de chuva com valores superiores a 80 mm em áreas do Amazonas, Pará e Tocantins, acompanhadas por trovoadas, raios e rajadas de vento. Roraima e noroeste do Pará devem permanecer sem chuva significativa.
  • Região Nordeste: A ZCIT causará instabilidades com chuvas intensas, especialmente no norte dos estados do Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte e interior da Paraíba. Algumas áreas devem acumular mais de 80 mm de chuva, enquanto não há previsão de precipitação no interior da Bahia, Pernambuco, Alagoas e Sergipe.
  • Região Centro-Oeste: O centro-sul de Mato Grosso do Sul receberá os maiores volumes, com acumulados acima de 70 mm. As precipitações serão mais localizadas. No leste de Goiás e no Distrito Federal, a expectativa é de chuvas menos intensas.
  • Região Sudeste: Prevê-se tempo quente e seco na maior parte da região, com exceção de pancadas de chuva previstas no sudeste e leste de São Paulo e Rio de Janeiro, onde acumulados podem ultrapassar os 60 mm.
  • Região Sul: A frente fria sobre o oceano provocará chuvas intensas em Santa Catarina e Paraná ao longo da semana, com possíveis eventos de raios, ventos fortes e granizo. No Rio Grande do Sul, os maiores volumes devem ocorrer no fim de semana.

Chuvas de 16 a 24 de abril

Na semana entre os dias 16 e 24 de abril, espera-se que a parte central e norte do Brasil receba volumes de chuva acima de 70 mm, com exceções em algumas áreas específicas.

  • Região Norte: Prevê-se chuvas intensas, exceto no norte de Roraima, leste do Acre e Tocantins.
  • Região Nordeste: Chuvas em forma de pancadas, com acumulados superiores a 70 mm em algumas áreas.
  • Regiões Centro-Oeste e Sudeste: Esperam-se pancadas de chuvas localmente fortes, com volumes acima de 70 mm no norte.
  • Região Sul: Chuvas maiores que 50 mm são esperadas no Rio Grande do Sul e oeste de Santa Catarina.

Temperaturas nos próximos dias

Nos próximos dias, os termômetros estarão em alta por todo o Brasil, com temperaturas que podem superar os 30°C em diversas regiões, conforme o Inmet.

De acordo com o Inmet, no dia 11 de abril, grande parte do país poderá experimentar temperaturas máximas acima dos 30°C.

Destaque para áreas de São Paulo, Goiás, Triângulo Mineiro, norte de Minas Gerais e oeste da Bahia, onde os termômetros podem ultrapassar os 34°C.

Em Roraima, espera-se um calor ainda mais intenso, com máximas próximas aos 38°C.

Por outro lado, na Região Sul, as temperaturas serão mais amenas, não devendo ultrapassar os 28°C.

Enquanto isso, as temperaturas mínimas também apresentarão variações significativas entre as regiões do Brasil.

Prevê-se que nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, as mínimas se mantenham acima de 24°C. Por outro lado, no Sul e Sudeste, as mínimas podem chegar a ser inferiores a 20°C.

No dia 13 de abril, as temperaturas mínimas poderão cair ainda mais em algumas áreas do país.

O centro-sul da Bahia, norte de Minas Gerais, leste de São Paulo e grande parte da Região Sul poderão registrar mínimas inferiores a 22°C.

Em regiões específicas, como o leste do Paraná e de Santa Catarina, bem como no Rio Grande do Sul, as mínimas podem ficar abaixo dos 18°C.

Sair da versão mobile