Menú

MANIFESTAÇÕES

Bunge: bloqueio na BR-163 é 'inaceitável'

Empresa, que opera terminais de grãos em Miritituba e Barcarena (PA), defende que o governo resolva o quanto antes o impasse

A Bunge, que opera terminais de grãos em Miritituba e Barcarena, no Pará, disse, por meio de nota nesta quinta, dia 13, que a situação na BR-163, onde ocorrem bloqueios desde a semana passada, é "inaceitável". A trading defendeu ser "essencial que o governo resolva o quanto antes" o impasse que atrapalha o fluxo de caminhões de transporte de grãos para os portos do Pará.

"A Bunge Brasil lamenta a situação observada na BR-163 desde a semana passada. Sendo a rodovia única rota de acesso ao porto de Miritituba, seu bloqueio impacta significativamente toda a cadeia produtiva, inclusive a programação de embarques de grãos da empresa, podendo gerar prejuízos imensuráveis", disse a trading. 

Os protestos têm ocorrido em resposta ao veto do presidente Michel Temer às Medidas Provisórias 756 e 758, que alteram os limites da Floresta Nacional (Flona) do Jamanxim, do Parque Nacional do Jamanxim e da Área de Proteção Ambiental (APA) do Tapajós, e estão relacionados a questões fundiárias e de atividade econômica na região. 

Nesta quinta, o protesto de produtores, comerciantes e sociedade civil ocorre em Novo Progresso, no Pará, segundo os organizadores. Os bloqueios têm ocorrido de forma itinerante, cada dia em uma localidade do sudoeste do Pará, com a interrupção total do tráfego. A passagem só é liberada em emergências, caso das ambulâncias. 

Nome:

Email:

Deixe um comentário:

Escreva os números da imagem:

últimas notícias

Previsão para hoje -


▲ Máx
▼ Min




Confira a previsão dos próximos dias

Fonte: Somar Meteorologia