PRODUTOS

Governo registra 45 novos defensivos agrícolas; confira aqui

Os defensivos são destinados ao controle de pragas e doenças em culturas como milho, soja, algodão, feijão, abacate e cana-de-açúcar

Defensivos, pulverização, máquina agrícola, pulverizador
Defensivos, pulverização, máquina agrícola, pulverizador

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) registrou, nesta terça-feira (10), 45 novos defensivos agrícolas, sendo 15 deles de baixo impacto.

Os defensivos são destinados ao controle de pragas e doenças em diversas culturas, como milho, soja, algodão, feijão, abacate e cana-de-açúcar.

Dentre os destaques, está o registro de um produto à base de fluindapyr, um fungicida e nematicida que é considerado de baixo impacto ambiental.

O produto é indicado para o controle de pragas nas culturas do amendoim, café, feijão, milho e soja.

Outro produto de destaque é um regulador de crescimento a base de Bacillus aryabhattai CBMAI1120 + Bacillus haynesii CCT7926 + Bacillus circulans CCT0026. O produto é indicado para o aumento da produtividade das culturas.

Produtos biológicos

Entre os produtos biológicos registrados, está uma mistura de Paenibacillus azotofixans; Bacillus subtilis; Bacillus licheniformis e Bacillus circulans. O produto é indicado para o controle de nematóides e fungos de solo.

Outro produto biológico registrado é um feromônio sexual para controle de Stenoma catenifer, uma praga específica da cultura do abacate.

Segundo o governo, os produtos são importantes para agricultura não apenas pelo impacto toxicológico e ambiental, mas também por beneficiar as culturas de suporte fitossanitário insuficiente (minor crops), pois esses produtos são registrados por pragas e não por cultura como acontece com os químicos.